08 fevereiro 2014

Quem É Você, Alasca? - John Green

Título Original: Looking For Alaska
Título Brasileiro: Quem é você, Alasca?
Autor (a): John Green
Ano: 2013
Editora: WMF Martins Fontes
Páginas: 229
Sinopse: Miles Halter é um adolescente fissurado por célebres últimas palavras que, cansado de sua vidinha pacata e sem graça em casa, vai estudar num colégio interno à procura daquilo que o poeta François Rabelais, quando estava à beira da morte, chamou de o "Grande Talvez". Muita coisa o aguarda em Culver Creek, inclusive Alasca Young, uma garota inteligente, espirituosa, problemática e extremamente sensual, que o levará para o seu labirinto e o catapultará em direção ao "Grande Talvez".

Oi pessoal, aqui é a Maria para um rápido aviso: o livro Quem É Você Alasca foi lido e resenhado pelas duas colaboradoras do blog e estão sendo postados juntos à seguir. primeira parte da Amanda e depois da Pri, okay? Melhor que fazer duas postagens e tal. ;) 

Devo alertar de já que não será uma resenha parcial ou um tanto sensata, vai ser inteiramente emotiva, por que – vocês saberão quando lerem ou sabem, os que já leram- não há como se manter lúcido após esse livro.

Eu já havia tido uma noção do quanto o Green é cruel, sádico e tão fucking massacrador de almas com A Culpa É das Estrelas, sim, mas... Mas! Eu esperava de QÉVA uma coisa diferente, um pouco complexa, sim, porém... Não tanto. (eu irei usar muitas reticências, não fiquem enervados.)

O livro começa relativamente normal: Miles é um jovem antissocial, com o estranho hobby de colecionar ultimas palavras e sem amigo que decide ir ao celebre colégio interno a procura do Grande Talvez.

A história parte-se em duas todas com a suma importância, a primeira mostrando a base para o titulo e temática da história, centrada esta em mostrar o primeiro amigo – aquele primeiro amigo de verdade -, a primeira paixão e como deixar de existir para viver. Então há reviravolta, o momento exato que equilibra os dois lados, o que podemos considerar como meio. E então o depois que vai complementando, dando todo o sentido. (Juro que exclamei “OMG agora o título faz todo o sentido!!”)

“Quem é você Alasca?” Não é apenas uma história de adolescente que descobre o primeiro amor e sofre desilusão amorosa, ou que o mundo passa repentinamente ter um sentido. É a transição de existir para viver. De que é preciso seguir com a vida mesmo você estraga tudo. De saber que nem tudo pode ser controlado. De que nem tudo que chega ao fim terá um fim definido, com tudo explicado. De que a vida é mesmo um grande labirinto e não podemos ignorá-lo. E não pode deixar de ser lido.

"O labirinto é a vida ou a morte? Do que ele está tentando escapar - do mundo ou do fim do mundo?"
Avaliação:


Alguns livros nos fazem sorrir, alguns nos deixam agoniados até o seu final e outros nos fazem chorar e pensar muito sobre a vida ao seu final, foi o que aconteceu comigo ao ler Quem É Você, Alasca? Resolvi ler esse livro na biblioteca da escola enquanto eu e minha querida Mary matávamos as aulas chatas (no cursinho pode), e tive que me esconder quando o terminei para enxugar as lágrimas que não paravam, e olha que não sou de chorar (não chorei em ACEDE, perguntem pra Mary).

Nesse lindo livro de John Green conhecemos Miles, um garoto comum, que é fissurado por ultimas palavras, e que decide ir para um colégio particular a procura de um “grande talvez”, o que ele não esperava era encontrar pessoas que mudariam sua vida o arrastariam para um mundo de loucas aventuras. Uma delas é seu colega de quarto Chip, que prefere ser chamado de Coronel, e que o apresenta para a garota mais linda que Miles, agora chamado de Gordo, já havia visto, Alasca.
“Até o momento, a melhor resposta que eu tinha para ‘O que vem depois da morte? ’ era ‘Bem, alguma coisa. Talvez’”. Pág. 80.
Alasca é uma garota temperamental, encrenqueira e adora seus amigos, porém ela tem namorado, o que acaba com Miles logo de inicio, mas não o impede de formar uma forte amizade com a garota, que o apresenta para mais amigos e até tenta arranjar uma namorada
para o rapaz, ela também é conhecida por suas pegadinhas na escola, sempre extremamente planejadas e executadas com sucesso.

Apesar de Alasca parecer uma garota comum, ela possui problemas, até de mais, e Miles muitas vezes tenta compreende-la e se frustra ao não entender a complicada mente dela, muitas vezes podemos perceber o reflexo do turbilhão da mente de Alasca refletindo em sua personalidade que pode passar de um lindo sorriso, para um grande ataque de estresse.
“Pensei: Isso é o medo: Perdi uma coisa importante, não consigo acha-la, preciso dela.” Pág. 148.
Quem É Você, Alasca? É um livro maravilho, não sabemos o que esperar durante a leitura e nos surpreendemos a cada página virada, John Green mostra que seu dom é emocionar e dar lições de vida, o livro mostra adolescentes sendo adolescentes, e para a minha surpresa, existem adultos presentes e preocupados, o livro nos mostra como a realidade pode ser dura e como pode ser difícil entender outra pessoa, com certeza uma leitura rápida e aproveitada, e nos dando grandes surpresas, descobertas e lições em seu caminho.

Avaliação: