08 outubro 2012

#Filme Tão Forte e Tão Perto

Ficha Técnica

Título Original:  Extremely Loud and Incredibly Close
Título Brasileiro: Tão forte e tão perto
Direção:  Stephen Daldry
Ano: 2012
Duração: 129min
Elenco: Tom Hanks, Sandra Bullock, Viola Davis e Thomas Horn.
Sinopse: A narrativa de Tão Forte e Tão Perto gira em torno do excepcional Oskar Schell, que aos 11 anos já é inventor amador, admirador da cultura francesa e pacifista. Depois de encontrar uma misteriosa chave que pertencia a seu pai, morto nos atentados de 11 de setembro, o garoto embarca em uma incrível jornada – uma busca frenética por um segredo cruzando as cinco regiões de Nova York. Ao percorrer a cidade, ele encontra pessoas de todos os tipos, todos sobreviventes em seus próprios caminhos. Por fim, a jornada de Oskar termina onde começou, mas com o consolo da experiência mais humana de todas: o amor.
Trailer:



2.996. Esse é o número total de mortos no atentado do dia 11 de setembro de 2001. Aproximadamente 2.996 famílias que tiveram seus parentes tirados bruscamente do meio familiar. Quantas histórias os escombros escondem?

Oskar é um garoto especial. Inteligente, culto e não se relaciona bem com as pessoas (tipo o Sheldon, mas sem a parte cômica de The Big Bang Theory), a não ser seu amado pai, que parece entendê-lo quando ninguém mais pode. Eles possuem um jogo chamado de Missão de Reconhecimento, uma maneira de entreter a mente ansiosa de Oskar. Entretanto, essa relação é bruscamente interrompida com o ataque do dia 11 de setembro, matando o pai do garoto. Meses depois, ao mexer nas coisas de seu pai, Oskar encontra uma chave dentro de um envelope com um nome: Black. Ele acredita que seu pai tenha deixado algo para ele. Inicia-se então, uma busca pela fechadura misteriosa.
A história é incrível e emocionante. Trata da dor, da perda e da busca por um conforto. Perder a única pessoa com a qual se sentia seguro e que o entendia é um baque para o excepcional Oskar (sugere-se no filme que ele tenha Síndrome de Asperger). Não é apenar o que a chave abre, mas a busca em si é uma maneira de deixar viva a memória do pai. Mesmo os esforços da mãe em compreender o filho, em tentar se aproximar, são rechaçados.

A busca vira uma obsessão. Oskar descobre que há 472 pessoas com o sobrenome Black (aquele que estava no envelope da chave) em Nova Iorque e decide ir de encontro a todos eles tentar a sorte. Um desafio que não o impede, já que Nova Iorque é enorme e ele não utiliza transportes públicos – um dos muitos medos que ele tem. Tudo isso escondido da mãe. Em sua caminhada, conhece diversos tipos de pessoas. Famílias enormes, famílias novas, famílias se desfazendo, aquele que adora abraças, aquela que adora gritar. Cada um com sua história de vida interessante.

Sua jornada começa solitária, mas então um companheiro inesperado começa a participar dela, ajudando-o não apenas a tentar descobrir o que a chave abre, mas também a superar seus medos e aflições.

Com um enredo delicado e que me fez chorar, Tão Forte e Tão Perto expõe as relações e sentimentos humanos de uma maneira tocante, abordando a dor da perda e o árduo caminho da superação.

Classificação:


Um comentário:

  1. Esse filme é lindo mesmo, uma atuação lindíssima do Thomas...
    No começo eu fiquei bolada pq o Tom Hanks meio que faz uma ponta, mas depois já tinha até esquecido dele rs

    Bjs,
    Kel
    www.itcultura.com.br

    ResponderExcluir